> TRABALHADORES DA UFMT DECIDEM FUTURO DA GREVE NESTA QUARTA-FEIRA (23)

Os trabalhadores técnico-administrativos da UFMT podem encerrar a greve nesta quarta-feira (23.09). Pela primeira vez nos quase quatro meses de greve, o Governo Federal responder de forma oficial a todos os pontos reivindicados pela categoria, mesmo que não atendendo a maior parte deles. A assembleia geral para deliberação será realizada nesta quarta-feira (23.09) às 08h30 na guarita 01 da UFMT, que dá acesso à avenida Fernando Correa da Costa.

Em Brasília, o Comando Nacional de Greve emitiu uma nota em relação a proposta do Governo Federal. O informativo de greve foi publicado nesta terça-feira (22.09) no site da Fasubra, e tem o objetivo de subsidiar as assembleias gerais de categoria em todo o país. O documento faz uma análise da conjuntura nacional e os caminhos até aqui seguidos pela maior greve, tanto em duração como em adesão, da história dos técnico-administrativos em Educação.

“Realizamos as projeções para cada nível da carreira. A proposta ainda nos mantém como os piores salários de todos os servidores públicos federais, não cobre a inflação, mas o cenário político e fiscal é muito complexo. Temos que fazer uma análise profunda desta proposta”, destacou a coordenadora geral do Sindicato da categoria em Mato Grosso, e também da Federação Nacional, Leia de Souza Oliveira.

Pela primeira vez, uma tabela de salários é apresentada a categoria, que deverá fazer uma análise criteriosa da mesma. Um outro quadro detalha cada reivindicação e a resposta do Governo.

premium

Ler Anterior

22/09/2015 – TRE-MT nega provimento a agravo e mantém diplomação de prefeita de Várzea Grande

Leia em seguida

> Comissão do Jovem Advogado de Rondonópolis promove mesa de debates

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *