• 28 de novembro de 2021

São Paulo joga mal, empata com o Cuiabá e flerta com o Z4

São Paulo sofre pressão do Cuiabá na Arena Pantanal e conta com boa atuação de Tiago Volpi para sair com um ponto conquistado.

O São Paulo empatou com o Cuiabá por 0 a 0, na noite desta segunda-feira (11), na Arena Pantanal, em duelo da 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Tricolor está na 13ª colocação, com 30 pontos, enquanto o Dourado ocupa a 12ª colocação, com 31 pontos conquistados.

Agora, o São Paulo enfrenta o Ceará, na próxima quinta-feira (14), às 19h, no Morumbi, enquanto o Cuiabá pega o Sport, no mesmo dia e horário, novamente na Arena Pantanal.

Cuiabá começa partida em cima do São Paulo

O jogo iniciou com o Cuiabá partindo para cima do São Paulo, muito por conta da torcida, que compareceu em bom número na Arena Pantanal. A primeira finalização aconteceu aos três minutos, quando Clayson arriscou de fora da área, mas a bola passou por cima da meta do Tricolor,

Seis minutos depois, mais Cuiabá. Após contra-ataque, Jenison recebeu com liberdade e achou Max, que tentou encobrir Tiago Volpi. A bola passou perto da trave direita do goleiro são-paulino.

São Paulo joga mal, empata com o Cuiabá e flerta com o Z4
São Paulo joga mal, empata com o Cuiabá e flerta com o Z4

Foto: Gustavo Farinacio / Gazeta Press

Volpi vacila e assusta o São Paulo

Conforme o jogo acontecia, o São Paulo continuava com dificuldades e quase levou o gol em uma desatenção de Tiago Volpi. O goleiro foi pressionado e quase se complicou na saída de bola. A bola desviou em Jenison e passou em frente ao gol do São Paulo.

São Paulo que respondeu aos 23 minutos. Rodrigo Nestor achou Gabriel Sara, que ajeitou para o pé direito e chutou de fora da área. Walter, bem colocado, fez a defesa no canto esquerdo. Um minuto depois, Cuiabá chegou com perigo. Jenison recebeu e arriscou da entrada da área, mas Volpi defendeu.

Rigoni sai lesionado antes do intervalo

O jogo que não era bom para o São Paulo trouxe más notícias aos 40 minutos. Rigoni sentiu a coxa esquerda e precisou ser substituído para a entrada de Marquinhos.

Aos 46, o Tricolor ainda conseguiu chegar. Luciano fez o cruzamento e achou Calleri, que furou e desperdiçou boa chance de levar perigo.

Volpi salva o São Paulo no começo do segundo tempo

A etapa final começou como Cuiabá no ataque. Logo aos dois minutos, Felipe Marques pegou sobra de cobrança de falta e arriscou de fora da área. Volpi fez boa defesa e espalmou para escanteio.

Um minuto depois, o goleiro do São Paulo apareceu novamente. Pepê recebeu de Jenilson e chutou de fora da área com perigo. Volpi espalmou e evitou o primeiro gol do Dourado na partida.

Luciano quase marca um golaço de bicicleta

A primeira chegada do São Paulo na segunda etapa aconteceu aos 17 minutos. Léo cruzou para a área e achou Luciano, que bateu de bicicleta para boa defesa de Walter, que encaixou a bola e evitou o golaço do são-paulino.

Volpi salva o São Paulo de levar o gol

O goleiro do São Paulo apareceu novamente aos 30 minutos. Jenison achou Felipe Marques, que invadiu a área, cortou Igor Gomes e bateu. Volpi saiu do gol e fez boa defesa cara a cara com o atacante do Cuiabá.

No minuto seguinte, o goleiro foi destaque de novo. Max cruzou na cabeça do zagueiro Paulão, que desviou forte de cabeça e exigiu excelente defesa do arqueiro são-paulino.

Igor Gomes bate falta para fora no último lance

O São Paulo teve uma última oportunidade aos 49 minutos. Em falta na entrada da área, aos 49 minutos, Igor Gomes bateu por cima da meta de Walter.

Fim de jogo com um empate que não agradou nenhum dos dois lados.

CUIABÁ 0x0 SÃO PAULO

Local: Arena Pantanal, Cuiabá

Data e horário: 11 de outubro de 2021, às 20h

Árbitro: Anderson Daronco (RS)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Michael Stanislau (RS)

VAR: Heber Roberto Lopes(SC)

Gols:

Cartões amarelos: Jonathan Cafu e Auremir (CUI), Igor Gomes e Marquinhos (SAO)

Cartões vermelhos:

CUIABÁ

Walter; João Lucas, Alan Empereur, Paulão e Uendel; Auremir, Pepê (Rafael Gava, aos 21’/2ºT) e Camilo (Jonathan Cafu, aos 21’/2ºT); Clayson (Felipe Marques, Intervalo), Max e Jenison (Elton, aos 38’/2ºT). Técnico: Jorginho.

SÃO PAULO

Tiago Volpi; Igor Gomes, Miranda, Léo e Welington; Luan (Liziero, aos 18’/2ºT), Rodrigo Nestor (Benítez, aos 26’/2ºT) e Gabriel Sara (Rojas, aos 18’/2ºT); Luciano, Rigoni (Marquinhos, aos 40’/1ºT) e Calleri (Gabriel, aos 18’/2ºT). Técnico: Hernán Crespo.

 

Fonte: Lance/ Foto: Gustavo Farinacio / Gazeta Press

Rocha

Ler Anterior

Advogado assassinado em plena luz do dia em MT com “caibre 12”

Leia em seguida

BANDIDOS VÃO ROUBAR E SE DÃO MAL

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *