• 22 de abril de 2021

PL legitima MCCE a pedir impugnação de registro de candidatura

Projeto de lei de autoria do deputado federal Ezequiel Fonseca (PP-MT), protocolado nesta segunda-feira (01), na Câmara dos Deputados, dispõe sobre a inclusão das associações civis entre as legitimadas para o ingresso de ação de impugnação de pedido de registro de candidatura.

A finalidade é garantir aos movimentos sociais legalmente constituídos o poder de impedir o registro de candidatos que não preencham condições de elegibilidade ou que estejam em situação de inelegibilidade. “Atualmente não é permitido aos cidadãos, isoladamente, pedir a impugnação, o projeto pretende permitir, ao menos, que determinadas entidades da sociedade civil possam fazê-lo, essa é uma importante alternativa em defesa dos interesses da sociedade”, destaca.

No projeto está explícito que nem toda associação estará apta a realizar os pedidos, mas sim aquelas que tenham sido constituídas há mais de dois anos e que comprovem pertinência temática entre a AIRC e suas finalidades institucionais.

O deputado progressista defende, em especial, o Movimento de Combate a Corrupção Eleitoral (MCCE) que tem cumprido o dever social em denunciar candidatos que não preenchem os requisitos da constituição federal e, nos casos de irregularidades, como por exemplo, por abuso de poder econômico, e improbidade administrativa, situações corriqueiras em todo país.

De acordo com a Lei em vigor, pode pedir impugnação apenas candidato, partido político, coligação e Ministério Público, no prazo de cinco dias, contados da publicação do pedido de registro do candidato, em petição fundamentada.

“O legislativo tem um papel fundamental perante a sociedade, essa é uma proposta legítima e importante para a política brasileira, pois acarretará filtragem de candidatos que estão em situação irregular e que, provavelmente, não traria bons resultados ao coletivo caso eleito”, disse.
POR Adrielle Piovezan

premium

Ler Anterior

Cejusc de Cáceres atende em ação de cidadania

Leia em seguida

Devedores da Justiça terão nome negativado

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *