• 18 de setembro de 2021

Personalidades lamentam morte de Sérgio Mamberti

Aos 82 anos de idade e deixando um vasto legado cultural na TV, teatro e cinema, ator teve falência múltipla de órgãos.

Desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira, 3, artistas, personalidades e políticos lamentaram a morte de Sérgio Mamberti, aos 82 anos, vítima de uma infecção nos pulmões. O ator estava internado em um hospital da rede Prevent Sênior e teve falência múltipla de órgãos na madrugada desta sexta-feira, 3.

Ator, diretor e artista plástico, deixou sua marca na dramaturgia brasileira no teatro, cinema e televisão. A tristeza pela morte dele é evidente nas redes sociais, onde diversas pessoas prestam homenagens. “Vai fazer muita falta este grandíssimo ator! Obrigado, Sérgio Mamberti”, escreveu o humorista Marcelo Adnet.

A atriz, bailarina e coreógrafa Angela Dippe fez uma homenagem ao colega no Twitter e publicou uma foto do Dr Vitor, eterno personagem de Sérgio Mamberti em Castelo Rá-Tim-Bum. “Nosso Tio Vitor partiu”, lamentou.

O filósofo Leandro Karnal prestou uma homenagem ao ator no Instagram. “E deixamos de ter o privilégio da companhia de Sergio Mamberti. Eu tinha acabado de ler o livro sobre ele com tantas imagens lindas da carreira. Era frequentador da minha casa e, no último telefonema, combinamos uma live sobre teatro. Ele cumpriu uma missão linda de vida e de arte. Meu mundo ficou um pouco menor”, concluiu.

Diversos políticos também lamentaram a morte de Sérgio Mamberti, como a deputada federal pelo PCdoB Jandira Feghali: “Mais um gigante da cultura se foi, nosso queridíssimo Sérgio Mamberti. Talento, generosidade e um amor imensurável à arte descrevem sua enorme contribuição à cultura brasileira. Sérgio Mamberti, presente!”.

O líder da bancada do PT na Câmara dos Deputados, Bohn Gass, afirmou que a morte do ator é uma perda para a democratização da cultura. “Para dimensionar o tamanho desta perda, bastaria dizer que ele dedicou sete décadas de sua vida à democratização cultura. Mas Sérgio Mamberti era ainda mais: ele soube ser doce e corajoso. Um dos grandes do teatro, da TV. PT perde um de seus maiores nomes. Vá em paz, companheiro”, disse.

Rocha

Ler Anterior

Brad Pitt dá troco em Angelina Jolie sobre vitória no tribunal

Leia em seguida

O que o Cuiabá pode ensinar ao Santos como modelo de gestão de clube-empresa

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *