OAB exige observância ao devido processo legislativo na Câmara

29/05/2015 – OAB oficializou, sua manifesta preocupação com a aparente violação do devido processo legislativo ocorrida na Câmara dos Deputados durante votação do financiamento de campanhas eleitorais por empresas.

O presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, informou que o assunto será remetido à análise da Comissão de Estudos Constitucionais, a fim de procurar eventuais inconstitucionalidades materiais ou formais na manobra do presidente da Câmara dos Deputados ao recolocar a matéria em deliberação plenária. “O devido processo legislativo é elencado na nossa Carta Magna e não pode ser burlado ou adaptado”, apontou.

O vice-presidente da OAB-RJ, Ronaldo Cramer, classificou como inaceitável toda e qualquer manobra capaz de açodar decisões que “fujam do interesse público e afrontem o Estado Democrático de Direito”.

premium

Ler Anterior

OAB/CF aponta importância da anuidade diferenciada ao jovem advogado

Leia em seguida

OAB emite nota de apoio à advocacia pública

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *