• 4 de março de 2021

IFMT: As matrículas para os Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio ocorrem nos dias 05, 06 e 07 de Janeiro de 2015

As matrículas ocorrem na Secretaria Geral de Documentação Escolar do Campus para qual o candidato se inscreveu

O Instituto Federal de Mato Grosso informa aos candidatos aprovados nos Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio que as matrículas da 1ª chamada para os alunos cotistas e não cotistas ocorrem nos dias 05, 06 e 07 de janeiro de 2015, das 08 às 17 horas, na Secretaria Geral de Documentação Escolar do Campus para qual o candidato se inscreveu. Acesse os resultados nos links:

Edital nº 50/2014 – http://selecao.ifmt.edu.br/concurso.aspx?cod_concurso=2474
Edital nº 76/2014 – http://selecao.ifmt.edu.br/concurso.aspx?cod_concurso=2514

O candidato terá que apresentar as fotocópias legíveis, conforme orienta os editais nº 50 ou 76/2014, para que se possam compará-las com as originais. A falta de um dos documentos relacionados, tanto para os cotistas quanto para os não cotistas, impedirá a efetivação da matrícula, não cabendo, nesse caso, recurso, nem será facultada a matrícula condicional.

O candidato contemplado com reserva de vagas (cotista) deverá apresentar documento comprobatório que cursou da 5ª a 8ª/9ª séries do ensino fundamental na rede pública de ensino: Municipal, Estadual ou Federal. Aquele que não o comprovar, não terá a matrícula efetivada.

A 2º Chamada está prevista para ser divulgada no dia 12 de janeiro de 2015 e a matrícula no dia 14 de janeiro de 2015, para cotistas e não cotistas.
Veja a relação dos documentos e condições para a matrícula de cotistas
• Certidão de Nascimento ou Casamento, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• 02 (duas) fotos 3 x 4 recentes;
• Certificado de conclusão do Ensino Fundamental, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• Histórico escolar do Ensino Fundamental ou equivalente, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• Cédula de identidade oficial, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• CPF, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• Titulo de eleitor para os maiores de 18 anos, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• Comprovante do serviço militar para os maiores de 18 anos do sexo masculino, original e cópia ou fotocópia autenticada.
• Comprovante atualizado de endereço, como conta de luz, água ou telefone (cópia – frente e verso).

DENTRE AS CINCO RELAÇÕES BAIXO INDICADAS, O CANDIDATO COTISTA TERÁ QUE APRESENTAR UMA PARA A COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR BRUTA:
1. TRABALHADORES ASSALARIADOS
1.1 Contracheques;
1.2 Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver;
1.3 CTPS registrada e atualizada;
1.4 CTPS registrada e atualizada ou carnê do INSS com recolhimento em dia, no caso de empregada doméstica;
1.5 Extrato atualizado da conta vinculada do trabalhador no FGTS;
1.6 Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos.

2. ATIVIDADE RURAL
2.1 Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva
notificação de restituição, quando houver;
2.2 Declaração de Imposto de Renda Pessoa Jurídica – IRPJ;
2.3 Quaisquer declarações tributárias referentes a pessoas jurídicas vinculadas ao candidato ou a membros da família, quando for o caso;
2.4 Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos, da pessoa física e das pessoas jurídicas vinculadas;
2.5 Notas fiscais de vendas.

3. APOSENTADOS E PENSIONISTAS
3.1 Extrato mais recente do pagamento de benefício;
3.2 Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver;
3.3 Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos.

4. AUTÔNOMOS E PROFISSIONAIS LIBERAIS
4.1 Declaração de IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver;
4.2 Quaisquer declarações tributárias referentes a pessoas jurídicas vinculadas ao candidato ou a membros de sua família, quando for o caso;
4.3 Guias de recolhimento ao INSS com comprovante de pagamento do último mês, compatíveis com a renda declarada;
4.4 Extratos bancários dos últimos três meses.

5. RENDIMENTOS DE ALUGUEL OU ARRENDAMENTO DE BENS MÓVEIS E IMÓVEIS
5.1 Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física – IRPF acompanhada do recibo de entrega à Receita Federal do Brasil e da respectiva notificação de restituição, quando houver.
5.2 Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos.
5.3 Contrato de locação ou arrendamento devidamente registrado em cartório acompanhado dos três últimos comprovantes de recebimentos.

Veja a relação dos documentos e condições para a matrícula de não cotistas:
• Certidão de Nascimento ou Casamento, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• 02 (duas) fotos 3 x 4 recentes;
• Certificado de conclusão do Ensino Fundamental, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• Histórico escolar do Ensino Fundamental ou equivalente, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• Cédula de identidade oficial, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• CPF, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• Titulo de eleitor para os maiores de 18 anos, original e cópia ou fotocópia autenticada;
• Comprovante do serviço militar para os maiores de 18 anos do sexo masculino, original e cópia ou fotocópia autenticada.
• Comprovante atualizado de endereço, como conta de luz, água ou telefone (cópia – frente e verso).

O candidato terá que apresentar as fotocópias legíveis, para que se possam compará-las com as originais. A falta de um dos documentos relacionados, tanto para os cotistas quanto para os não cotistas, impedirá a efetivação da matrícula, não cabendo, nesse caso, recurso, nem será facultada a matrícula condicional.

O candidato contemplado com reserva de vagas (cotista) deverá apresentar documento comprobatório que cursou da 5ª a 8ª/9ª séries do ensino fundamental na rede pública de ensino: Municipal, Estadual ou Federal. Aquele que não o comprovar, não terá a matrícula efetivada.

Assessoria de Comunicação
Reitoria – IFMT

premium

Ler Anterior

Taques usa Aprosoja e toma o Fethab dos municípios

Leia em seguida

ista tríplice para procurador geral é entregue a Taques

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *