Fachin rejeita pedido da PF de investigar Dias Toffoli

Brazil’s Federal Supreme Court (STF) Minister Edson Fachin, during the session of the STF in Brasília, on February 2, 2017. Brazil’s Supreme Court named a new justice Thursday to oversee cases against politicians caught in a giant corruption probe after the previous judicial pointman was killed in an air crash. / AFP PHOTO / ANDRESSA ANHOLETE

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), rejeitou nesta sexta-feira pedido da Polícia Federal para que a corte abrisse um inquérito contra o ministro Dias Toffoli após ter sido acusado, em delação premiada do ex-governador do Rio de Janeiro Sergio Cabral, de supostamente receber recursos ilegais em troca de sentenças, conforme reportagem da Folha de S.Paulo.

Em decisão lida pela Reuters, Fachin citou o parecer da Procuradoria-Geral da República que era contrário à abertura da investigação e também questionava a legitimidade de a PF ter firmado uma delação com Cabral.

10/12/2019
REUTERS/Adriano Machado
10/12/2019 REUTERS/Adriano Machado

Foto: Reuters

O ministro do STF ainda determinou que a PF se “abstenha de tomar qualquer providência ou promover qualquer diligência direta ou indiretamente inserida ou em conexão ao âmbito da colaboração premiada em tela” até o julgamento no plenário virtual entre os dias 21 e 28 de maio sobre o acordo de colaboração do ex-governador fluminense.

Em nota na terça, o ministro Dias Toffoli havia declarado, por meio da assessoria, não ter conhecimento dos fatos mencionados e disse que jamais recebeu os supostos valores ilegais.

Por meio da assessoria, o ministro refutou a possibilidade de ter atuado para favorecer qualquer pessoa no exercício de suas funções.

O caso que foi narrado pelo jornal diz respeito a supostos repasses relatados por Sergio Cabral que teriam sido feitos a Toffoli para favorecer prefeitos fluminenses em processos que tramitaram no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

 

Fonte: Reuters/ Foto: Reprodução

Rocha

Ler Anterior

Butantan e Fiocruz vão interromper produção de vacinas

Leia em seguida

Neymar é suspenso e desfalca PSG na final da Copa da França

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *