Corregedora parabeniza Judiciário por prêmio

25/06/2016 – A corregedora-geral da Justiça, desembargadora Maria Erotides Kneip, parabenizou, durante sessão do Tribunal Pleno, realizada nesta quinta-feira (23 de junho), todos os servidores e magistrados do Poder Judiciário de Mato Grosso pela conquista do primeiro lugar, na categoria júri popular, do XIV Prêmio Nacional de Comunicação, realizado durante o Congresso Brasileiro de Assessores de Comunicação e Justiça (Conbrascom), nos dias 16 e 17, em Belém (PA). A campanha “Selfie Premiada”, que reuniu mais de 1.400 selfies de servidores e magistrados, foi a grande vencedora.

O vídeo apresentado no Congresso foi veiculado para que todos os desembargadores pudessem assistir. “A nossa campanha concorreu com outros 177 trabalhos que foram inscritos para participar do prêmio. Deste total, 42 foram para a final e o Judiciário de Mato Grosso acabou conquistando o prêmio principal, o que nos enche de orgulho. Nossos servidores, nossos magistrados e nossa Coordenadoria de Comunicação estão de parabéns por esta conquista”, ressaltou a magistrada. Ao final da apresentação todos os desembargadores aplaudiram o vídeo e o prêmio.

O desembargador José Zuquim Nogueira elogiou a campanha. “Achei a apresentação do vídeo excelente. Quero parabenizar a Comunicação e a administração, que tem valorizado o servidor. Aliás essa administração resgatou a auto-estima dos nossos servidores, isso é perceptível no dia a dia. A campanha veio coroar esse trabalho e o prêmio é resultado de um esforço coletivo”.

O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Paulo da Cunha, que fez questão de participar da campanha com sua selfie, destaca que recebeu com muita satisfação a notícia da premiação. “O setor de Comunicação está de parabéns pelo trabalho desenvolvido, juntamente com a assessoria da Presidência, a gráfica e, é claro, nossos servidores, que compraram a ideia e participaram da campanha, que faz parte do trabalho de valorização dos nossos servidores. A campanha foi merecedora da premiação”.

O prêmio é uma iniciativa do Fórum Nacional de Comunicação e Justiça, organização não governamental sem fins lucrativos, fundada pelos assessores de Comunicação do Judiciário, Ministério Público, Defensorias, OABs, Tribunais de Contas e instituições afins, voltada ao desenvolvimento de debates e ações para aproximar as organizações públicas do cidadão. Essa é a primeira vez que a Comunicação do Tribunal de Justiça se inscreveu para concorrer ao prêmio.

Redação JA

premium

Ler Anterior

Integração artística ao estilo Silva Freire marca reinauguração de galeria na OAB-MT

Leia em seguida

Comarcas mais econômicas serão premiadas

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *