• 18 de setembro de 2021

Brad Pitt dá troco em Angelina Jolie sobre vitória no tribunal

Brad Pitt está dando o troco em sua ex após Angelina Jolie sair vitoriosa em sua desagradável batalha pela custódia.

O novo capítulo na batalha judicial surge após o astro afirmar ao site Radar que sua equipe jurídica “continuará a fazer o que for legalmente necessário com base nas descobertas detalhadas do que é melhor para as crianças”.

Agora, de acordo com o Page Six, os advogados de Pitt entraram com documentos na Suprema Corte da Califórnia nesta quarta-feira (01) pedindo uma revisão na custódia dos filhos de Pitt e Jolie.

O casal briga pelo direito à guarda dos seus cinco filhos menores de idade: Pax, 17, Zahara, 16, Shiloh, 15, e os gêmeos Vivienne e Knox, 13.

De acordo com os seus advogados, o ator argumenta que Jolie não deveria ter obtido a custódia completa dos filhos do ex-casal. Segundo eles, a vitória da estrela de Eternos é fruto de um erro técnico do juiz temporário.

O juiz John W. Ouderkirk concedeu a Pitt a guarda conjunta de seus cinco filhos menores em maio de 2021. Porém, dois meses depois, um tribunal de apelações da Califórnia desqualificou Ouderkirk no caso do divórcio do ex-casal.

Segundo o tribunal, ele não informou suas relações comerciais com os advogados de Pitt.

Os representantes de Brad Pitt agora estão dizendo que o erro de Ouderkirk não é relevante, apesar de implicar conflito de interesses. Os documentos também afirmam que Jolie estava procurando por qualquer motivo possível para tirar o juiz do caso.

“Estamos buscando revisão na Suprema Corte da Califórnia porque o juiz temporário, que foi nomeado e repetidamente renovado por ambos os lados, foi indevidamente desqualificado após fornecer uma decisão de custódia detalhada e baseada em fatos, após um longo processo legal com várias testemunhas e especialistas”, disse os representantes legais de Pitt em um comunicado.

Brad Pitt em Era uma Vez em Hollywood e Maddox Jolie Pitt em First They Killed My Father (Montagem com fotos de divulgação)
Brad Pitt em Era uma Vez em Hollywood e Maddox Jolie Pitt em First They Killed My Father (Montagem com fotos de divulgação)

Quando Ouderkirk foi expulso do caso, um porta-voz da equipe jurídica do ator deu a seguinte declaração:

“A decisão do tribunal de apelações foi baseada em uma questão de procedimento técnico. Os fatos não mudaram. Há uma quantidade extraordinária de evidências factuais que levaram o juiz – e os muitos especialistas que testemunharam – a chegar a uma conclusão clara sobre o que é no melhor interesse das crianças. Continuaremos a fazer o que é legalmente necessário com base nas descobertas detalhadas do que é melhor para as crianças “, acrescentaram.

Pitt e Jolie estiveram juntos por 12 anos, mas só se casaram 10 anos após morarem juntos.. A atriz foi quem encerrou o casamento, supostamente após uma explosão nervosa do marido em frente a seus filhos.

 

Por: E-Pipoca/ Foto:Reprodução

Rocha

Ler Anterior

CUIABÁ: Comparsas e esposa acusada de mandar matar marido são denunciados

Leia em seguida

Personalidades lamentam morte de Sérgio Mamberti

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *