• 1 de março de 2021

BRAÇOS CRUZADOS : Greve de servidores da Justiça Federal atinge 16 cidades em SP

17/06/2015- Em greve desde o dia 10 de junho, os servidores da Justiça Federal e já conseguiram a adesão de colegas em 16 cidades paulistas, de acordo com os próprios sindicatos das categorias. Os funcionários federais cruzaram os braços para pedir a aprovação do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 28/2015,trata da recomposição salarial dos servidores e tramita no Senado. A categoria, não recebe reajuste há nove anos.

De acordo com a organização do movimento, que também envolve os funcionários do Ministério Público da União, a greve não tem prazo determinado para acabar. Segundo informações do Sintrajud (que congrega sindicatos de diferentes carreiras), o protesto afeta as cidades de Osasco, Carapicuíba, Santana do Parnaíba, Cotia, Barueri, Mogi das Cruzes, Ferraz de Vasconcelos, Poá, Suzano, Guarulhos, São Bernardo do Campo, São Vicente, Santos, Cubatão e Guarujá, além da capital.

Ainda de acordo com a Sintrajud, a adesão à greve em São Vicente e na Praia Grande chegou a 60% e 90%, respectivamente. Além do estado de São Paulo, a paralisação também ocorre no Rio Grande do Sul, em Santa Catarina, no Paraná, no Rio de Janeiro, em Minas Gerais, no Pará, no Amapá, no Maranhão, no Mato Grosso, no Piauí, em Pernambuco, no Rio Grande do Norte, no Tocantins, no Ceará, em Alagoas, na Bahia, no Amazonas, em Roraima e no Distrito Federal.

No estado de Goiás ocorre uma paralisação de 48h, entre esta terça e quarta-feira (17/6). Em Sergipe será feito o mesmo tipo de protesto, mas na quinta (18/6) e na sexta-feira (19/6). No Mato Grosso do Sul foi feita parada de 24 horas como advertência e a greve ainda está sendo discutida.

Posse de ministro
Nesta terça-feira (16/6), durante a cerimônia de posse do ministro do Supremo Tribunal Federal Luiz Edson Fachin, ocorreu um protesto organizado pelos servidores da Justiça Federal no Distrito Federal. A expectativa do Sindjus-DF era que 2 mil pessoas comparecessem.

Nesta quarta-feira (17/6), ocorre uma assembleia geral no Fórum Trabalhista Ruy Barbosa, na capital paulista, às 14h, para discutir a paralisação. Com informações das assessorias de imprensa da OAB, do Sintrajud e da Fenajufe.

Confira abaixo os pontos de greve e as situações nos estados brasileiros:

Entidade Situação da mobilização
Sinjuspar/PR Em Greve por Tempo Indeterminado desde segunda-feira 25/5.
Em processo de ampliação e consolidação da greve. Comando de greve percorre o interior.
Sintrajusc/SC Em Greve por Tempo Indeterminado desde 8/6.
18/6 – Ato Estadual, das 15h às 17h,  na  rampa do Tribunal Regional do Trabalho, na Rua  Esteves  Júnior. Após o ato, haverá Assembleia Estadual para avaliar os rumos do movimento.
Sindjus/DF Em Greve por Tempo Indeterminado desde 9/6.
Quarta-feira (17/6): Ato, às 15h, em frente ao Ministério do Planejamento, com marcha descendo na contramão até o Palácio do Planalto.
Sintrajufe/RS Em Greve por Tempo Indeterminado desde 9/6.
Quarta-feira, 17 de junho:
9h – Reunião do Comando Estadual de Greve, nas varas trabalhistas
14h – Caminhada da 1ª Instância da JF até o TRE Duque, onde será instalada assembleia geral.
Sitraemg/MG Em Greve por Tempo Indeterminado desde 10/06
Sisejufe/RJ Em Greve por Tempo Indeterminado desde 10/06.
17/6 – passeata no Centro do Rio, concentração na Candelária, às 14h.
O sindicato também está incentivando a realização de atos locais nesta quarta-feira (17/6).
19/6 – O Judiciário Federal da Baixada Fluminense está organizando atividade conjunta em Nova Iguaçu. E na próxima semana, São Gonçalo terá uma atividade conjunta em frente às zonas eleitorais.
Sindjuf/PA-AP Amapá – Em Greve por Tempo Indeterminado desde 10/06 na Justiça Federal e do TRE/AP, com 70% de adesão.
Pará
17/6 – paralisação de 24 horas no TRE.
20/6 – seminário sobre Reforma Política e Carreira.
Sindijufe/MT Em Greve por Tempo Indeterminado desde 10/06 com avaliação diária do movimento.
17/6 – AGE, às 15 horas, no Saguão de entrada da Justiça Federal de Mato Grosso.
Sintrajud/SP Em greve por tempo indeterminado desde 10/6.
17/6 – AGE, no Fórum Trabalhista Ruy Barbosa, na Barra Funda, às 14h para avaliar o movimento.
Sintrajufe/PI Em  greve por tempo indeterminado 11/6.
Sintrajufe/MA Em greve por tempo indeterminado desde 11/6.
17/6 – assembleia para deliberar a adesão à greve no TRT sede, às 13h, no Auditório Ari Rocha!
Sinjutra/PR Em greve por tempo indeterminado desde 12/6.
Sintrajuf/PE Em greve por tempo indeterminado na JF e TRF, desde 15/6.
Mobilização nesta quarta-feira (17).
Justiça Federal – segue com a greve por tempo indeterminado
Sintrajurn/RN Em greve por tempo indeterminado desde 15/6
Sintrajufe/CE 16/6 – inicio da greve por tempo indeterminado.
Sindjufe/BA 16/6 – Início da greve por tempo indeterminado.
Sindjus/AL 17/6 – inicio da greve por tempo indeterminado.
Na próxima quarta-feira (17/6), a categoria se concentrará em frente ao prédio das Varas do Trabalho, a partir das 9 horas, para dar início a greve por tempo indeterminado.
Sindjuf/PB 17/6 – Início da greve por tempo indeterminado.
18/6  – AGE em frente a Central de Atendimento ao Eleitor de João Pessoa (Cenbatel/JP), às 12 horas.
18/6 – Reunião do comando de greve, às 16h, na sede administrativa do sindicato.
Sitra/AM-RR 18/6 – Início da greve por tempo indeterminado.
Sinpojufes/ES 19/6 – inicio da por tempo indeterminado, com assembleia no final do dia.   Assembleia permanente.
Sindijufe/RO-AC 22/6 – inicio da greve por tempo indeterminado no TRE/RO.
16/6 – assembleia setorial na JT, no hall de entrada do TRT 14, a partir das 15hs.
Nas demais unidades de Rondônia e Acre, também realizarão suas assembleias setoriais.
Sinjufego/GO 16 e 17/6 – paralisação de 48 horas com AGE no dia 17, às 12h, na entrada do prédio do Foro das Varas Trabalhistas e terá como pauta avaliação da continuidade da greve para se tornar por prazo indeterminado.
Sindjuf/SE 18 e 19/6 – Paralisação de 48 horas (TRT, TRE e Justiça Federal) em Sergipe, com indicativo de greve por tempo indeterminado a partir da próxima segunda-feira (22).
Sinje/CE 16/6 – paralisação de 24 horas com avaliação, ao final do dia, sobre a continuidade do movimento. Aprovado Estado de Greve e assembleia permanente.
Sindissétima/CE Estado de greve aprovado na assembleia de 10/6.
16/6 – paralisação no Fórum D. Helder Câmara
17/6 – paralisação TRT. Varas Trabalhistas do interior do estado estiveram presentes à paralisação de hoje e outras varas aderiram à paralisação nos seus locais de trabalho. Algumas varas da capital paralisaram totalmente por 4 horas.
Sindiquinze/SP 15 a 17/6 – rodadas de assembleias.
Sindjufe/MS Está aprovado o Estado de Greve que vige até a aprovação dos reajustes exigidos pela categoria ou outro momento, caso decidido em assembleia geral, podendo, ainda, ser decidido pela paralisação dos serviços e passando-se à GREVE a qualquer momento.
Sindjufe/TO Os servidores do TRE e da Justiça Federal deliberaram pela suspensão da greve por tempo indeterminado. Foram 37 votos pela suspensão da greve (retorno ao trabalho), 33 votos pela continuidade da greve e 03 abstenções.
23/6 – nova assembléia com indicativo de continuidade da greve nos dias que antecederão a votação do PLC 28/2015, que está pautado para o dia 30/06.

 Conjur

premium

Ler Anterior

Interesse jornalístico de notícia não é definido pelo Judiciário, diz Celso de Mello

Leia em seguida

REGRAS CLARAS: PL busca mais segurança jurídica na aplicação do Direito Público

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *