Bloqueio de celular poderá ser feito pela polícia de Mato Grosso

16/06/2016 – Um projeto de lei apresentado pelo vereador Wilson Kero Kero (PSL) na sessão ordinária da Câmara Municipal de Cuiabá, que busca contribuir com o meio ambiente, possibilitando ás escolas do município, utilizarem energia solar.

O projeto vai possibilitar que as escolas de ensino infantil e fundamental instalem em suas dependências painéis solares como uma fonte complementar à elétrica.

O vereador entende que cada vez mais é fundamental que se busquem soluções que contribuam com o meio ambiente e, de fato, trabalhem com o conceito de sustentabilidade, mas, ao mesmo tempo, tragam barateamento de custos aos cofres públicos.

“Hoje as escolas não têm a liberdade para adquirir produtos como fontes alternativas para a obtenção de energia elétrica e, nosso projeto corrige esta falha. Além disto, esperamos que a iniciativa crie uma nova mentalidade, já que a energia solar é limpa, renovável e não impacta o meio ambiente”, explica o vereador.

Sabe-se que muitas vezes o custo inicial para a instalação de painéis solares pode ser aparentemente mais elevada, contudo, a médio e a longo prazo, este custo é reduzido e garante a relação custo benefício. “hoje o município tem um enorme gasto com energia, imagina se conseguimos instalar painéis em nossas escolas, quanto economizaríamos e, ao mesmo tempo, estaríamos contribuindo com o meio ambiente”, finaliza.

Um ponto importante a destacar é que, para incentivar a instalação de painéis solares no Brasil, a Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel, fez uma Resolução que permite que a energia solar que sobra dos painéis seja injetada na rede elétrica, desta forma, a energia extra vai para a rede de distribuição, gerando um crédito de energia para aquele que possui o painel. Experiência em residências, mostra que os custos com a conta de luz chegam a diminuir em até 90%.

Redação JA
Por; Luciana Oliveira Pereira

premium

Ler Anterior

OAB-MT defende implementação de políticas de Estado durante Simpósio

Leia em seguida

Região Vale do Rio Cuiabá, faz inclusão dos municípios de Chapada dos Guimarães e Acorizal

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *