• 21 de abril de 2021

> Bancada discute retomada da construção do hospital universitário

A bancada federal de Mato Grosso se reuniu na manhã de hoje (09), com a reitora da Universidade Federal de Mato Grosso, Maria Lúcia Neder para tratar da retomada da construção do hospital universitário Júlio Muller.

Licitado pela Secretaria de Estado das Cidades e com apenas 8% das obras concluídas, o contrato com o consórcio responsável pela obra foi rompido no ano de 2014.

Na reunião, a reitora apresentou as dificuldades e pediu apoio dos deputados e senadores junto ao governador Pedro Taques para que o processo seja acelerado.

A obra foi orçada no valor de R$ 120 milhões, sendo R$ 60 milhões do Governo Federal e contrapartida de R$ 60 milhões do Governo do Estado.

Segundo ela, há três anos está em caixa o recurso do governo federal, restando apenas o pagamento do  aporte do Estado.

“A preocupação é que estamos demorando em retonar esse trabalho, sabemos que será necessário readequar o projeto e fazer uma avaliação do que foi construído. A bancada federal está sendo parceria da universidade, tem acompanhado nossa luta, mas precisamos que o governo se sensibilize e agilize a contrapartida e a burocracia. Embora se chame hospital universitário, o hospital é de Mato Grosso, ao todo serão 300 novos leitos de alta complexidade”, ressaltou a Maria Lúcia.

Os parlamentares discutiram formas de resolver a situação da unidade de saúde, e todos se comprometeram a intermediar junto ao governo alternativas para dar prosseguimento na obra. O coordenador da bancada, deputado federal Ezequiel Fonseca (PP-MT), avaliou positivamente a reunião.

“Tivemos a oportunidade de discutir um tema de suma importância para o Estado que é a saúde pública, estaremos conversando com o governador para que em um pequeno prazo de tempo possamos inaugurar a unidade de saúde, não vamos medir esforços”, disse ele.

A reitora requereu a participação da bancada na reunião com o governador, na qual também, deverá ser tratada, a questão do campus de Várzea Grande e a construção da ponte, e para os próximos meses, discutir uma proposta de continuidade da expansão da UFMT e a elaboração de um plano de desenvolvimento da educação de Mato Grosso.

Além de Ezequiel Fonseca, estavam presentes na reunião os deputados federais, Ságuas Moraes (PT), Victório Galli (PSC), Nilson Leitão (PSDB), Fábio Garcia (PSB) e o senador José Medeiros (PPS). Os demais parlamentares estavam em reuniões distintas e enviaram seus representantes.POR Adrielle Piovezan

premium

Ler Anterior

> Candidato não comprova ausência de movimentação financeira e Pleno reprova prestação de contas

Leia em seguida

> Deputado apresenta projeto para homenagear ministro do STF

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *