• 21 de abril de 2021

> Arena Pantanal; Secid notifica empresa para realizar reparos em sistema hidráulico

A Secretaria de Estado das Cidades (Secid) notificará nesta segunda-feira (20.07) a empresa Mendes Junior Trading e Engenharia, responsável pela construção do Complexo Arena Pantanal, para a realização de reparos no sistema hidráulico dos banheiros do estádio.

Durante inspeção realizada na tarde de sábado (18.07) foi encontrado concreto dentro do encanamento dos banheiros do segundo piso. O material foi localizado durante vistoria realizada pela Superintendência de Proteção e Defesa Civil de Mato Grosso, que faz parte da Secid.

De acordo com o secretário Eduardo Chiletto, titular da Secid, além de executar os reparos necessários, a Mendes Junior também deverá realizar manutenção nos demais banheiros do estádio. A Arena Pantanal, que foi inaugurada em 2014 para a Copa do Mundo, conta com 948 posições nos banheiros.

“O concreto encontrado dentro dos canos está prejudicando o funcionamento do sistema hidráulico, como também causando mau cheiro nos banheiros. Queremos um espaço de qualidade para a população, por isso vamos cobrar e exigir que a empresa realize o serviço de forma adequada”, explicou Chiletto.

Atualmente a Arena Pantanal conta com recebimento provisório, que foi dado pela antiga gestão estadual para a realização da Copa do Mundo. A ordem de serviço para a construção do estádio foi assinado no dia 20 de abril de 2010 e a Mendes Junior tinha prazo de execução de 960 dias. Ao todo, foram construídos 300 mil metros quadrados, que custaram R$ 453.215.994,77.

Durante a Copa de 2014, o espaço esportivo recebeu quatro jogos. De lá para cá, 60 partidas já foram realizadas no gramado cuiabano. Neste domingo (20.07), a Arena Pantanal foi palco de seu sexagésimo jogo de futebol. Entraram em campo os times do Cuiabá e Águia de Marabá (PA) em disputa pela Série C, do Campeonato Brasileiro de 2015.

premium

Ler Anterior

> Empresários quitam débitos em mutirão fiscal

Leia em seguida

21/07/2015 – Delegado insinua que OAB é manipulada por Marcelo Odebrecht

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *