Agentes penitenciários localizam túnel, grades cerradas e celulares na PCE

20/04/2015 – Durante operação realizada pelos agentes penitenciários do plantão A, gerência de inteligência e núcleo de inteligência na Penitenciária Central do Estado (PCE), foram localizadas grades cerradas, celulares e um túnel que daria acesso ao pátio da unidade penal. Os trabalhos tiveram inicio por volta das 18 horas de sábado e foram concluídos na madrugada deste domingo.

“Foram em torno de 7 horas de muito trabalho que envolveu cerca de 30
agentes penitenciários na operação”, disse o chefe de disciplina, Nelson Leite.

A operação aconteceu nos raios 1, 2 e 3, onde estão presos aproximadamente 1.200 homens. Os problemas maiores foram encontrados no raio 1, segundo os agentes penitenciários que participaram da operação.

“Neste raio, no cubículo 6, nós localizamos o túnel, que já estava com 8 metros de profundidade e que daria acesso ao pátio da penitenciária.
Com mais 1 dia de trabalho eles concluiriam o túnel e após chegarem ao pátio, provavelmente pulariam o muro com a ajuda de cordas artesanais”, contou o chefe de disciplina.

Segundo Leite ainda, os responsáveis pelo túnel já foram identificados e
sofreram punição administrativa.Ainda durante os trabalhos, com a ajuda de Kiara, cão farejador, treinada para esse tipo de situação, foram localizados 4 celulares ao meio de um colchão.

“São operações necessárias e a equipe que realizou esse trabalho tem nosso total apoio e está de parabéns por desempenhar suas funções com responsabilidade e empenho”, disse o presidente do Sindicato dos servidores Penitenciários do Estado de Mato Grosso (SINDSPEN-MT), João Batista.

CONTINUAM – As operações continuarão em outros raios durante todo o feriado de Tiradentes.POR Nelli Tirelli

Assessoria de Imprensa/SINDSPEN-MT

premium

Ler Anterior

Para o Ministério Público, sobrecarga dos tribunais é culpa da defesa

Leia em seguida

STJ consolida jurisprudência a favor dos direitos das gestantes

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *