• 21 de abril de 2021

14/01/2015 – Cejusc de VG faz mais de mil acordos em 2014

A cultura da conciliação vem ganhando cada vez mais espaço no Poder Judiciário Mato-Grossense. Prova disso é que ao longo de 2014 o Centro de Solução de Conflitos e Cidadania de Várzea Grande (Cejusc/VG) negociou um montante de R$ 4.274.446,83 em dívidas e obteve 1.215 acordos.

Graças às técnicas de conciliação, a Comarca de Várzea Grande eliminou 461 processos de seu estoque. Além disso, 754 dívidas foram negociadas e quitadas através de atendimentos pré-processuais, sem que fosse preciso a abertura de um processo na justiça.

O juiz coordenador do Centro, juiz Luis Otávio Pereira Marques, avalia o balanço das atividades de 2014 como muito positivas. “Ao longo desses quase 3 anos que estou na coordenação do Cejusc, tenho percebido um aumento constante no número de acordos realizados. Além disso, a procura pela conciliação tanto espontânea quando através dos mutirões tem sido crescente ano após ano. Como resultado, temos mais celeridade na solução dos conflitos e diminuição no estoque processual das varas”, ressalta Marques.

Esse resultado foi possível porque além dos atendimentos individualizados no Centro Judiciário, também foram realizados 8 mutirões ao longo de 2014. Quatro deles foram relativos ao pagamento do seguro DPVAT às vítimas de acidentes e o restante tratou do pagamento de débitos tributários, como IPTU, ISSQN, alvarás e Departamento de Água e Esgoto de Várzea Grande (DAE). Ainda houve um mutirão para negociação de débitos com o Banco Itaú.

O magistrado destaca também que está sendo desenvolvido um trabalho junto às empresas da região no intuito de identificar os grandes credores que têm interesse em levar suas demandas para o Cejusc/VG. Dentro de 90 dias os primeiros parceiros já deverão participar de audiências de conciliação.

Nova sede – Para este ano, as perspectivas são ainda maiores, conforme explica o juiz. “A partir do final do mês de janeiro, o Centro de Solução de Conflitos vai contar com novas instalações. Vamos poder propagar ainda mais o serviço para a população. E com isso esperamos um aumento significativo no número de atendimentos”, conta o coordenador.

A sede da Cejusc/VG, que estava localizada provisoriamente em uma sala dentro Centro Universitário de Várzea Grande – Univag, agora será instalada no interior do Fórum da Comarca de Várzea Grande. A antiga sede continuará funcionado como uma câmara de atendimentos. “A nova sede vai contar com uma infraestrutura mais adequada para a realização das audiências e mutirões. Já para fevereiro temos um mutirão do Seguro DPVAT agendado”, explica Marques.

Atendimentos – Além de empresas, também podem procurar o Centro de Solução de Conflitos e Cidadania de Várzea Grande pessoas que estejam com casos envolvendo direito de família, consumidor, empresarial, entre outros. Para saber mais, entre em contato com a Cejusc/VG pelo telefone (65) 3688.6021 / 3688 8465.

2014
Processual
Pré-processual
Audiências espontâneas
Valor total negociado
R$ 2.429.414,34
R$ 1.845.032,49
R$ 91.127,16
Número total de acordos
461
754

Nº de audiências

116

Mariana Vianna -TJMT

premium

Ler Anterior

14/01/2015- TJ julga em 2014 mais processos do que distribui

Leia em seguida

TJ tem primeiro processo administrativo virtual

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *