13/04/2016 – Várzea Grande retoma atividades do ‘Poder Judiciário na Escola’ em 2016

A etapa 2016 do programa ‘Poder Judiciário na Escola’ teve início nesta segunda-feira (11 de abril), na comarca de Várzea Grande. Cerca de 500 alunos de 14 a 18 anos, que cursam o ensino médio na Escola Estadual Adalgisa de Barros, participaram da palestra com o juiz José Antonio Bezerra Filho, da 1ª Vara Especializada de Família e Sucessões. O magistrado foi escolhido para abrir a temporada do Judiciário na Escola, que visitará 14 escolas no município ao longo do ano.

Com o tema ‘Um Judiciário inovador’, a palestra do magistrado José Antonio Bezerra Filho foi além do funcionamento e da estrutura do Poder Judiciário. O juiz abordou assuntos como a importância da educação, princípios e valores como respeito ao próximo e à família, conjuntura política atual, bullying, drogas lícitas e ilícitas, gravidez na adolescência, doenças sexualmente transmissíveis e métodos contraceptivos. O palestrante ainda falou e apresentou vídeos sobre os programas ‘Justiça Comunitária’ e ‘Ribeirinho Cidadão’, que visam levar cidadania à população, nos quais atua como coordenador.

“O objetivo foi apresentar o Poder Judiciário e passar valores aos alunos, pincipalmente aqueles ligados à família, além de falar sobre futuro e sonhos”, explicou o juiz. Ele contou com apoio da equipe da Justiça Comunitária, que distribuiu um livreto sobre o programa para os alunos e a ‘Cartilha da Justiça em quadrinhos’ para os professores trabalharem o conteúdo em sala de aula.

A palestra atendeu à expectativa de João Paulo Fernandes, de 15 anos, que tinha interesse em conhecer mais sobre a justiça e as leis. “Quero ser policial civil e esse conhecimento sobre a estrutura da justiça pode ser útil até na minha preparação para o concurso”, considerou. Para Gabrielle Lopes Nogueira, de 16 anos, a iniciativa foi bem interessante. “A palestra vai ajudar muitas pessoas e orientar os adolescentes sobre o uso de drogas e a gravidez na adolescência, por exemplo. Aqui na escola temos muita gente que usa drogas e meninas que também já são mães. Então, certamente o que foi dito aqui irá influenciar a vida de cada um deles”, argumentou.

De acordo com o magistrado palestrante, se um dos alunos tiver uma atitude diferenciada e mais humana após o bate-papo, se um dos participantes tratar o colega e o professor com mais respeito ou deixar de consumir droga, a ação do Poder Judiciário terá valido a pena. Como mensagem final, José Antonio Bezerra Filho pediu para que os estudantes não percam a esperança. “Sonhar faz bem desde que você acredite e faça a diferença para conquistar o que deseja. Por isso, não deixe de sonhar. Lembre-se que, como disse o poeta Fernando Pessoa, tudo vale à pena quando a alma não é pequena”, enfatizou.

A palestra na Escola Adalgisa de Barros teve tradução simultânea de um intérprete de libras para uma aluna com deficiência auditiva. A próxima atividade do programa ‘Poder Judiciário na Escola’ será no dia 25 de abril, 15h, na Escola Municipal Júlio Domingos de Campos. O palestrante será o delegado de polícia Bruno Lima Barcellos.

Saiba mais – O Poder Judiciário na Escola tornou-se programa de ação permanente nas comarcas de Mato Grosso em março de 2015, com objetivo de apresentar aos estudantes da rede pública atividades e órgãos do Poder Judiciário, por meio de visitas às instituições forenses e palestras proferidas por autoridades nas escolas.

De acordo com a corregedora-geral da Justiça, desembargadora Maria Erotides Kneip, o plano de gestão da CGJ tem como meta prioritária promover ações de cidadania. “E o Judiciário na Escola é a forma que encontramos para efetivamente cumprir com o nosso papel de tribunal cidadão. Ao conversarmos com os estudantes, estamos fazendo com que o nosso trabalho seja conhecido, transparente e atenda a esse conceito. Assim, com o nosso exemplo, também desenvolvemos vocações”, destaca.

Por Ana Luíza Anache

premium

Ler Anterior

13/04/2016 – INVESTIGAÇÃO ; CPI dos Frigoríficos faz primeira reunião

Leia em seguida

>Público externo: Sorriso e Juscimeira recebem capacitação do PJe

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *